Sim. O beneficiário titular deverá levar a certidão de casamento, ou documento que comprove a união estável no RH da Secretaria em que está lotado e solicitar o cadastro do cônjuge ou companheiro.

Em seguida, se dirigir ao setor de Relacionamento ao Beneficiário, no Centro de Saúde do ICS, para autorizar a inclusão do cônjuge ou companheiro como seu dependente.