Pronto Atendimento é diferente de Pronto-Socorro.

O ICS oferece os dois tipos de atendimento na sua rede credenciada.

O ideal é utilizar o local mais adequado para o atendimento do tipo de emergência que se apresenta. Procurar atendimento no lugar certo contribui para que o atendimento aconteça de forma mais rápida e com melhor resultado.

• Situações que ponham em risco a vida, ou possam causar danos definitivos à saúde, devem ser atendidas em Pronto-Socorros de Hospitais. Acidentes de trânsito e de trabalho, agressões por arma de fogo ou arma branca, fraturas, hemorragias, picadas de animais peçonhentos (cobra, aranha, taturana, escorpião), dor torácica, diabetes descompensada, dificuldades respiratórias severas, são situações que requerem atendimento em estruturas hospitalares.

• Doenças ou situações agudas, que se manifestam através de sinais e sintomas como febre, diarréia, dor de cabeça, dor de garganta, dor de ouvido, dores nas costas, podem ser atendidas em serviços de Pronto Atendimento não, necessariamente, vinculados a Hospitais.

• Doenças crônicas, que se manifestam através de sinais e sintomas que perduram por semanas ou meses, devem ser atendidos em ambulatórios eletivos (clínicas ou consultórios médicos, com consulta pré-agendada).